Painel Festival 2020

24 de Novembro

Às 19h

João Farkas,

Érico Hiller e

Isis Medeiros

Meio Ambiente

Érico Hiller nasceu em Belo Horizonte no ano de 1976 e vive em São Paulo desde 1985. Como fotógrafo documental, busca, por meio de suas imagens, uma forma de despertar transformações, registrando e provocando emoções. Documentou as tensões sociais na Argentina, Brasil, China, Índia, México e Rússia em 2008, em seu projeto Emergentes. Fotografou biomas e culturas ameaçadas pela tensão ambiental no Ártico, Tanzânia, Etiópia, Maldivas e Mata Atlântica entre 2011 e 2012, retratados em sua obra Ameaçados. Em A Jornada do Rinoceronte apresenta uma narrativa visual sobre a insensatez humana em função da caça e do comércio ilegal da vida selvagem em países da África e da Ásia. Em 2018 refez, a pé, o trajeto de 400 quilômetros percorrido por Gandhi em 1930, em protesto pacífico pelo fim da taxação do comércio do sal na Índia, que ficou eternizado como A Marcha do Sal.

João Paulo Farkas começou seus estudos graduando-se em filosofia pela Universidade de São Paulo e, posteriormente, mudou-se para Nova York, onde estudou no International Center of Photography (ICP) e na School of Visual Arts (SVA). Em sua longa trajetória, já foi fotógrafo correspondente da Veja e da IstoÉ, onde foi também editor de fotografia.

Seus trabalhos fazem parte de importantes acervos e museus brasileiros, além de estarem no acervo do ICP. No Maison Européenne de la Photographie, um dos mais respeitados acervos de fotografia do mundo.
 

Fotógrafa popular, Isis desenvolve seu trabalho fiel à realidade, desmascarando qualquer tentativa de aparências. Seu olhar crítico denuncia a negligência e descaso do Estado Brasileiro e das mineradoras em Minas Gerais. Corrobora também com a luta e empoderamento das mulheres e descortina em seu trabalho as violências do estado e as violações de direitos humanos.
Realizou o projeto ‘Mulheres Cabulosas da História’ e foi premiada com a medalha ‘Clara Zetkin’, que destaca mulheres com iniciativas transformadoras.
É uma das fundadoras de “Fotografia pela Democracia", grupo nacional de fotógrafos e fotógrafas em defesa da democracia e dos direitos humanos no Brasil (2018).
Nascida em Minas Gerais, Isis Medeiros é formada pela Escola de Design da Universidade do Estado de Minas Gerais/UEMG. Iniciou estudos em Fotografia na Universidade de Malta-UE.

Acompanhe nas redes:

Érico Hiller:

Isis Medeiros:

  • Instagram
  • Preto Ícone Facebook
  • Instagram
REALIZAÇÃO
APOIO EDUCACIONAL
APOIO INSTITUCIONAL
PARCEIROS
APOIO

CONTATO

SIGA O FFP

Tel.: +55 11 9 4543 0200

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco

© 2020.:Festival de Fotografia de Paranapiacaba